Menu fechado

Clippers e o início de um futuro fora da sombra dos Lakers

Na última temporada da NBA, o Los Angeles Clippers foi uma das equipes mais surpreendentes. Isso porque o time mostrou que ficou com peças interessantes no elenco mesmo depois da saída das estrelas que um dia formaram “Lob City” na franquia. Com um time repleto de jogadores bastante brigadores, o time se classificou para os Playoffs, e ainda conseguiu incomodar os então bicampeões do Golden State Warriors, antes de ser eliminado na primeira rodada do Oeste.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM” data-reactid=”24″>SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

No entanto, a chegada de Kawhi Leonard e Paul George muda completamente o patamar do time. Sem ter perdido muitos jogadores importantes (apesar da saída do jovem Shai Gilgeous-Alexander para o Oklahoma City Thunder no negócio por George, e das várias escolhas futuras de Draft que também foram para OKC), o time do técnico Doc Rivers se vê reforçado das duas superestrelas que mais se encaixam no mesmo perfil dos atletas que já estavam lá, e a promessa é de um time extremamente forte defensivamente, e agora com mais poderio ofensivo graças à dupla.

Leia também:

Enquanto Kawhi se estabeleceu ainda mais como uma das maiores estrelas da NBA ao liderar o Toronto Raptors rumo ao primeiro título da franquia na temporada passada, vencendo seu segundo troféu de MVP das Finais na carreira, George chega aos Clippers com o objetivo de conquistar o primeiro título dele e também da franquia da qual é torcedor desde criança. Foi isso que o fez pedir para ser trocado pelo Thunder, e esse pode ser um passo importante para o time sair da sombra do “primo rico” Los Angeles Lakers.

Comandado por Steve Ballmer, dono da franquia e que foi um executivo de sucesso na Microsoft, os Clippers deram outro passo importante para isso fora das quadras. Isso porque o time anunciou a construção de uma nova arena para mandar seus jogos, que será localizada em Inglewood. Isso fará com que a franquia finalmente saia do Staples Center, casa dos Lakers e que tem muito mais história com o time dourado e roxo do que com os Clippers, que são inclusive obrigados a cobrir os banners de campeão dos Lakers quando mandam seus jogos.

Dentro de quadra, a expectativa para a temporada é das melhores. Isso porque – além de George e Leonard – a equipe conta com jogadores como Patrick Beverley, Lou Williams, Montrezl Harrell, JaMychael Green e Landry Shamet, entre outros. Com um núcleo desses somado às estrelas, o que se pode esperar dos Clippers é um time que jamais poderá considerar um jogo perdido, já que tem qualidade no ataque e na defesa para buscar qualquer resultado.

Dessa vez, além de não surpreender ninguém quando chegar aos Playoffs, os Clippers provavelmente chegarão como favoritos nas primeiras fases, e quem sabe não conseguirão até brigar para ter mando de quadra até o fim da pós-temporada. Time e técnico para ir longe, Los Angeles tem.

Twitter |Flipboard |Facebook |Spotify |iTunes |Playerhunter” data-reactid=”37″>Twitter |Flipboard |Facebook |Spotify |iTunes |Playerhunter

Artigo Original

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *