Menu fechado

Eleitores com deficiência podem solicitar seção especial a partir de 25 de agosto

Em 25 de agosto começa o prazo para eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida solicitaram à Justiça Eleitoral o pedido de transferência para votar em seção especial em sua localidade para as eleições municipais de 2020. De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TE) em 2018, esta parcela da população representa em 0,64% dos cidadãos, que representa 940.630 pessoas. 

As seções especiais são áreas adaptadas para proporcionar maior acessibilidade, comodidade e segurança para o pleito. De acordo com o calendário do TSE, o eleitor terá o prazo até 1° de outubro para executar a ação. Ainda em 2018, foram 45,621 seções eleitorais adaptadas. 

Presos provisórios, militares e juízes

Na mesma data começa o prazo para a solicitação de transferência de seções instaladas para presos provisórios e adolescentes que cumprem medidas socioeducativas possam votar.

Além disso, militares, policiais federais, rodoviários federais, agentes de trânsito e guardas municipais que estiverem em serviço, também terão o mesmo prazo para pedir transferência temporária, as chefias da classe que devem encaminhar as listagens à Justiça Eleitoral. 

Juízes, servidores, promotores da Justiça Eleitoral que irão trabalhar no dia do pleito, terão que solicitar a transferência para outra seção no dia 25 de agosto. Todos terão até 1° de outubro para executar a ação. Já no caso de mesários e convocados para apoiar logisticamente as eleições, o prazo é a mesma data, porém, se estenderá até 9 de outubro. A transferência temporária de seção deve estar localizada no mesmo município.

Artigo Original

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *