Menu fechado

Houston Rockets é vendido por US$ 2,2 bilhões em negociação recorde na NBA | nba

Presidente de uma empresa de restaurantes com sede em Houston, Tilman Fertitta fechou uma negociação recorde na NBA para comprar o Houston Rockets de Leslie Alexander. A compra no valor de US$ 2,2 bilhões, o equivalente a R$ 6,86 bilhões, foi a mais cara da história na liga americana de basquete.

Em julho, Alexander divulgou um comunicado do presidente do Houston, Tad Brown, sobre sua intenção de vender a franquia, depois de mais de duas décadas como dono dos Rockets.

– Ser dono do Houston Rockets foi a minha maior alegria e honra nos últimos 24 anos. Tive uma oportunidade incrível de testemunhar toda a sua grandeza através de jogadores e treinadores que ganharam os campeonatos da cidade, foram nomeados para o All-Star e todas as equipes da NBA, consagradas no Hall da Fama do basquete, e fizeram tanto pela nossa franquia e pelos nossos fãs.

Tilman Fertitta, novo dono do Houston Rockets — Foto: AFP

– E a comunidade de Houston foi uma casa para mim, eu continuarei a apoiar as instituições de caridade com as quais eu me comprometi ao longo dos anos. Eu terei sempre um lugar especial no meu coração para os fãs, parceiros, autoridades da cidade e funcionários que se importam realmente com o time. Eu tomei essa decisão depois de muita deliberação com a minha família e os meus amigos, e faço isso sabendo que a franquia está em ótima forma com seus jogadores, treinadores e na gestão do time – acrescentou o ex-dono dos Rockets.

Fertitta mostrou um interesse imediato em adquirir a equipe de Houston, mas a negociação se arrastou por quase dois meses. O empresário, que também é uma celebridade a televisão americana, vive na cidade e diz que não há como não torcer pelos Rockets morando ali.

Além da negociação da venda da franquia, o Houston teve acertou a contratação de Chris Paul em uma negociação com o Los Angeles Clippers e ainda assinou uma extensão do contrato de James Harden para quatro anos por US$ 228 milhões (R$ 710,8 milhões).

Artigo Original

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *